Pesquisar este blog

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Estudantes da área de humanas fazem mais sexo do que os de exatas, diz estudo

Levantamento no Reino Unido também mostrou dado alarmantes: 61% dos jovens não usam camisinha

POR O GLOBO


Faculdade com maior índice foi a de Brighton com 10.59 parceiros por estudante durante o curso
Foto: Agência O Globo
Faculdade com maior índice foi a de Brighton com 10.59 parceiros por estudante durante o curso - Agência O Globo

RIO - Um ranking de universidades britânicas causou polêmica por não trazer em sua ordem as faculdades com melhor qualidade, mas sim, com o número de parceiros sexuais que um estudante, em média, tem durante o curso. O levantamento mostra um padrão: alunos de graduações ligadas a área de humanas fazem mais sexo do que os que frequentam as faculdades de exatas.

A pesquisa foi feita pelo Student Beans, site popular entre os estudantes britânicos que anualmente promove uma série de entrevistas para ver o perfil sexual dos alunos no país. No ano passado, a Universidade de Roehampton, que possui cursos como Dança, Teatro e Educação, ficou em primeiro lugar tendo a média de 6,32 parceiros sexuais. Em 2014, com este número, não se conseguiria chegar nem entre os dez primeiros colocados.

A primeira colocação deste ano ficou para a Universidade de Brighton, que possui cursos de Filosofia e Hotelaria e uma média de 10.59 parceiros sexuais por aluno durante a graduação. Já os estudantes de exatas não podem comemorar tanto. Os alunos de Engenharia, Química, Computação e Matemática da Universidade de Sussex tiveram, por exemplo, uma média de 4.48. Com o índice ainda pior e em penúltimo lugar, a Universidade do Oeste da Escócia amargou a média de 2.62.

Em último lugar, mostrando-se como exceção, a Universidade Bath Spa, considerada uma das dez mais criativas do Reino Unido, ficou com 2.57 de índice.

O levantamento foi feito com 6.129 estudantes e revelou outros hábitos dos alunos britânicos como a idade em que perderam a virgindade. Para 42% dos entrevistados, a primeira vez aconteceu com 16 anos. A monogamia também foi questionada e 51% dos participantes afirmaram que estão em um relacionamento, mas, 28% deles admitiram que trairiam o parceiro caso tivessem oportunidade.

Um dado alarmante foi sobre o uso de preservativos. Entre as mulheres, 51% responderam que não usam camisinha, já entre os homens o número aumenta para 61%.


Tutóia: Procissão de São Pedro 2014

Neste último dia 29, dia em que a Igreja Católica celebrou a vida dos Discípulos e Missionários Pedro e Paulo foi realizada uma grande Procissão Marítima organizada pela Colônia dos pescadores de Tutoia com a participação de uma multidão de fiéis católicos. A procissão reuniu uma grande quantidade de pessoas na parada realizada em Porto de Areia aonde foi feito um breve momento celebrativo pelo Pe. Cláudio Mendes que falou principalmente da nossa responsabilidade em seguir Jesus com coragem assim como fez São Pedro. Foi um linda manifestação de fé àquele que é considerado a "Pedra fundamental da Igreja" - São Pedro. Segundo o professor Paulo Rogério, uma notificação negativa foi de não ter sido disponibilizado barcos para o povo de Porto de Areia acompanhar a procissão. Contudo, parabéns aos organização e a todos os que participaram desse ato de fé.












Com informações do Professor Paulo Rogério 

Insatisfeito, Felipão deve sacar Hulk e Daniel Alves

Folha de São Paulo
Além de buscar um substituto para Luiz Gustavo, suspenso, Luiz Felipe Scolari vai mexer na seleção para a partida contra a Colômbia, nesta sexta (4), em Fortaleza, pelas quartas de final da Copa.

O lateral direito Daniel Alves e o atacante Hulk correm risco de deixar o time.

Técnico-Felipão-grita-com-seus-comandados-durante-a-final-da-Copa-das-ConfederaçõesFelipão vai ensaiar o time sem os dois titulares nos treinos em Teresópolis, que serão retomados na tarde desta segunda-feira (30).

O treinador avaliou que a dupla decepcionou na classificação contra o Chile, no sábado (28), em Belo Horizonte.

A vaga foi obtida de forma dramática, na disputa por pênaltis. No tempo normal, o jogo terminou empatado em 1 a 1. Na prorrogação, a partida não teve vencedor.

Hulk foi o responsável pelo gol dos chilenos ao errar um passe próximo da área de Júlio César, depois de ser acionado em cobrança de lateral.

Após a partida, Felipão disse que que o erro do atacante do russo Zenit “é algo que não se admite no nível mundial como o nosso”.

Hernanes é a opção a ser testada na vaga de Hulk.

O treinador está descontente com a atuação da seleção na Copa. A equipe, que coleciona duas vitórias e dois empates, ainda não convenceu na competição.

No Mineirão, ele se irritou com a falta de criatividade dos jogadores de meio de campo.

No lugar de Daniel Alves, que errou muito no jogo em Belo Horizonte, Maicon será testado novamente no time titular nos treinamentos.

Na semana passada, o jogador da Roma já havia sido testado na posição, mas Felipão achou melhor dar mais uma chance ao lateral do Barcelona contra o Chile.

Para o lugar de Luiz Gustavo, o técnico ainda não definiu o substituto. Ele pode recuar Fernandinho para a posição e colocar Ramires ou Paulinho mais à frente.

A outra alternativa avaliada pelo treinador é adiantar David Luiz para atuar de volante e manter Fernandinho ao seu lado na função de proteger a defesa brasileira.

Nesse cenário, Dante ganharia uma oportunidade atrás.

Depois da sofrida vitória de sábado (29), os jogadores ganharam uma folga no domingo. Após a reapresentação. a delegação ficará em Teresópolis até quarta-feira (2), quando embarcará para Fortaleza, onde enfrentará os colombianos no Castelão.

Convenção reúne mais de 10 mil pessoas “Eu vou ser governador de todas as famílias do Maranhão”, afirma Dino

Em Convenção realizada nesta manhã, Flávio Dino, Carlos Brandão e Roberto Rocha receberam o apoio de líderes políticos e homologaram suas candidaturas. Em seu discurso, Flávio apresentou suas propostas de governo, construídas após conversas com o povo durante o Movimento Diálogos pelo Maranhão.

   

Via Blog John Cutrim/Edição: Alexandre Cunha

Durante seu discurso na Convenção da Mudança, realizada pelo PCdoB, PDT, PSB e PPS, com participação também de PSDB, PP, PTC, PROS, Solidariedade e Militância Petista, que aconteceu na manhã deste domingo (29), no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, em São Luís, e contou com a presença de mais de dez mil pessoas, Flávio Dino homologou sua candidatura e enfatizou suas propostas para governar o estado. “Nenhum império dura para sempre. Nós iremos proclamar a república no Maranhão”, afirmou.

   

Após discorrer sobre a situação atual do saneamento básico no Maranhão, onde metade da população não tem água e banheiro em casa, Flávio falou sobre a criação do programa “Água para Todos”, que pretende levar água encanada e banheiro a todos os que não os possuem. Ao saudar a juventude, Flávio Dino garantiu a construção de Universidades estaduais regionalizadas, com autonomia administrativa, para ampliar o número de vagas gratuitas e públicas e aproximar as instituições das comunidades. Além disso, garantiu a criação das escolas técnicas estaduais. “Nós vamos garantir escolas técnicas estaduais, integradas ao ensino médio, para a juventude do nosso estado”, afirmou.

   


Flávio também falou sobre a situação da saúde no Estado, lembrando pacientes que esperam um longo tempo por vagas em hospitais públicos. Flávio enfatizou a criação do “Mais Médicos” estadual. “O programa significa formar médicos maranhenses, apoiar as escolas de medicina do estado do maranhão, fazer uma carreira boa aos médicos daqui para que eles possam se dedicar aos maranhenses”, declarou.

Quando falou da segurança, Flávio Dino relembrou que atualmente a cidade passa por um momento de insegurança geral. Para isso, falou sobre o programa “Pacto pela Vida”, que vai dobrar o número de policiais e garantir segurança as famílias.

   

No campo da Assistência Social, o Programa “Minha Casa, Meu Maranhão” transforma o governo do estado em parceiro do Governo Federal, e vai reformar ou construir 200 mil casas. Além disso o Cadastro único dos Programas Sociais no Estado do maranhão vai permitir ampliar e integrar os programas sociais dirigidos à erradicação da pobreza no Estado. O programa Bolsa Família do Governo Federal será ampliado com o Cartão Material escolar, que vai garantir verba para ajudar na compra de materiais escolares para as crianças em idade escolar.

Ao final de seu discurso, Flávio Dino confirmou seu compromisso com o público: “Eu não vou ser governador da minha família, mas de todas as famílias do Maranhão”, ressaltou.
O ato político também oficializou as candidaturas de Carlos Brandão a vice e Roberto Rocha ao Senado Federal, e também os candidatos a deputados estaduais e federais.

domingo, 29 de junho de 2014

Da glória do Cruzado à solidão do Amapá: Depois dos bons tempos do poder, ex-presidente José Sarney sai de cena politicamente isolado

Da glória do Cruzado à solidão do Amapá
"No Planalto. José Sarney em reunião ministerial nos dias finais de sua presidência"

Imperatriz, sul do Maranhão, 6 de abril de 1989. Cabisbaixo, o presidente José Sarney pega o microfone. No palanque improvisado no Clube Juçara ele inicia um discurso com seu mais tradicional bordão: “Brasileiras e brasileiros...”. Acrescenta: “... de Imperatriz e do Maranhão”. Diz que está emocionado e afirma que a Ferrovia Norte-Sul – cujos primeiros cento e poucos quilômetros seriam inaugurados naquele momento – não é de nenhum Estado. “É a ferrovia da integração nacional.”

E prossegue, desconfiado: “Nos 11 meses que ainda me restam nós vamos continuar. Se de alguma coisa me arrependo durante o meu governo é de não ter tido a audácia de resistir àqueles que resistiram à Norte-Sul. Mas, compensarei, sem dúvida, esta omissão, depois de deixar a Presidência, pois no dia em que parar a construção desta estrada, eu estarei ali presente, naquele lugar (aponta para os trilhos), esperando até o dia em que ela recomece a ser feita.” Depois que deixou a Presidência, em março de 1990, a obra foi interrompida várias vezes – até hoje não foi concluída. Nem por isso Sarney se sentou nos trilhos. Esse tipo de enfrentamento não faz parte de seu perfil.

No dia seguinte, Sarney tomou o trem de volta a São Luís. À medida que a composição avançava, ele ia se animando. Concedeu entrevistas em portunhol, disse que não trocaria a dívida externa do País por compensações ambientais e fez mais discursos em Açailândia e Santa Inês. Ali, diante do povo do Maranhão, ele parecia ganhar coragem e valentia, mas isso era em 1989. Com o tempo, esse mesmo Maranhão rejeitou Sarney.

Isolado no PMDB – que havia apoiado até uma CPI da Corrupção contra o governo federal – e pelo então governador maranhense Epitácio Cafeteira, e sabendo-se sem chances de ser eleito senador – um passo atrás para quem havia sido presidente da República e governador aos 35 anos –, só lhe restou mudar o domicílio eleitoral para o Amapá. E, pelo novo Estado, criado pela Constituinte que convocou, fez-se senador até hoje. Agora, 25 anos depois de ter deixado o Maranhão, e aos 84 de idade, com problemas de saúde, ele pressentiu de novo o risco de enfrentar uma eleição sem a certeza de vitória. Decidiu se aposentar.

Paralisações. Naqueles 11 meses que lhe restavam, em 1989, Sarney não tinha apoios no Congresso e via à sua volta uma sequência de greves – 8.790, segundo ele mesmo contou – que prejudicava tanto o setor privado quanto o estatal. A Assembleia Constituinte que convocara, um feito político tido como de coragem, que o levaria definitivamente para a democracia, tentara tirar dele dois anos de mandato. Teve de negociar muito para perder só um. Adversários o acusaram de distribuir concessões de emissoras de rádio e de TV em proveito próprio.

Tudo isso acontecia sob as vistas grossas do então deputado Ulysses Guimarães, que se empenhava em assegurar sua candidatura à Presidência pelo PMDB, justamente para suceder ao presidente acuado. Sarney julgava-se vítima de ingratidão tanto da parte de Ulysses – que mandara e desmandara no governo – quanto do PMDB. Três anos antes, por causa do Plano Cruzado que o presidente lançara no início de 1986, o partido havia se consagrado nas urnas, elegendo 22 dos 23 governadores. Ainda um fruto dos alegres dias dos “fiscais do Sarney”.

Faltando 11 meses para o fim do governo – e enquanto Sarney inaugurava os primeiros trechos da ferrovia Norte-Sul –, o País presenciava a intensa movimentação para a eleição do primeiro presidente depois do golpe militar. O grande vitorioso foi Fernando Collor de Mello, com o discurso de “caçador de marajás”, e que na campanha havia atacado Sarney de forma violenta.

Lula. Negociador por natureza, assim que Sarney chegou ao Planalto o clima mudou – ficava para trás o tempo dos generais e a liberdade de informação se espalhava por toda parte. Conciliador, aproximou-se de Luiz Inácio Lula da Silva, que tanto o atacara e fora um crítico ferrenho da Norte-Sul, e de Epitácio Cafeteira (PTB), que lhe fechou as portas no Maranhão e o empurrou para o distante Amapá.

Mas, como afirmam assessores e políticos que lhe foram próximos, ele nunca foi santo.
Sarney apoiou, por exemplo, a censura imposta ao Estado pela Justiça de Brasília, a pedido de seu filho Fernando – caso que o Judiciário está por resolver há 1.734 dias. Também não perdoou o escritor Millôr Fernandes, que fez duras críticas ao livro Brejal dos Guajas, lançado por Sarney quando era presidente. Para Millôr, era “uma obra-prima sem similar na literatura”, pois “só um gênio poderia fazer um livro errado da primeira à última frase”. Quando Millôr morreu, em 2012, intelectuais do País inteiro lhe fizeram homenagens. Sarney não apareceu.

sábado, 28 de junho de 2014

Abertura da Copa por pouco não teve tragédia

Folha de São Paulo – Uma falha no esquema de segurança quase terminou em morte dentro do estádio do Itaquerão, em São Paulo, durante o jogo de abertura da Copa entre Brasil e Croácia, no último dia 12, visto por mais de 3 bilhões de pessoas em todo o mundo.

Com a bola rolando, um atirador de elite avistou um homem armado próximo à tribuna onde estavam a presidente Dilma Rousseff, chefes de Estado e autoridades da Fifa, e chegou a pedir a autorização de seus superiores para abater o suspeito
.
    Reprodução/Twitter Dilma assiste a estreia do Brasil contra a Croácia, em 12 de junho
Reprodução/Twitter
Dilma assiste a estreia do Brasil contra a Croácia, em 12 de junho

O disparo foi evitado após o homem ter sido reconhecido como um policial, mas o episódio abriu uma crise entre as polícias Civil e Militar, que apresentaram versões diferentes para explicar a presença do agente no local.

Confirmado à Folha pela Secretaria da Segurança Pública paulista, o caso é investigado e resultou num reforço dos protocolos de segurança para os jogos seguintes.

A suspeita foi levantada por um sniper (atirador) do GER (Grupo Especial de Resgate) da Polícia Civil. Ele avistou um homem com um uniforme do Gate (Grupo de Ações Táticas), da Polícia Militar, numa área de acesso proibido.

Além de Dilma Rousseff, estavam lá o vice-presidente, Michel Temer, o presidente da Fifa, Joseph Blatter, e o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, entre outras autoridades.

TENSÃO

Via rádio, o sniper avisou a seus superiores sobre o suposto intruso. A informação chegou à sala de comando, montada dentro do estádio, de onde veio a resposta de que não havia nenhum PM do Gate na área restrita.

Diante da suspeita de que se tratasse de um criminoso disfarçado de policial, o sniper pediu autorização para fazer o disparo fatal. Temendo causar pânico e tumulto entre torcedores e autoridades, a ordem foi para que o atirador esperasse mais um pouco.

A tensão tomou conta da sala de monitoramento, onde estavam policiais civis, militares e integrantes do Exército, responsável pelo comando das operações no estádio.

Alguns minutos depois, um policial, cuja identidade não foi revelada, analisou as imagens na sala de monitoramento e reconheceu o suspeito como sendo, de fato, um policial do Gate.

O PM que era tratado como suspeito retirou-se do local, provavelmente após receber uma ordem.

EXPLICAÇÕES

O caso fez o secretário da Segurança, Fernando Grella Vieira, pedir relatórios ao comando das duas polícias.

Segundo a Folha apurou, a Polícia Civil diz que o policial do Gate invadiu uma área restrita sem autorização. Já a PM alegou que ele tinha autorização de seus superiores, pois apurava uma suspeita de bomba, que acabou não se confirmando.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública reconheceu que houve um “erro”, mas sem gravidade: “A Secretaria da Segurança Pública esclarece que, no episódio em questão, houve um erro de comunicação que foi rapidamente sanado, sem maiores consequências.”

A pasta não informou se a razão da presença do policial militar no local proibido já foi esclarecida nem confirmou se havia uma suspeita de bomba na área sendo investigada naquele momento. Procurado, o Exército não se pronunciou até a conclusão desta edição.

Prorrogada data para inscrições do Concurso Público de Araioses-MA

Os salários variam de R$ 724,00 a R$ 5.000,00, por jornadas de 30 ou 40 horas semanais. As vagas são para as funções de Agente Comunitário de Saúde, Agente de Endemias, Auxiliar Operacional, Guarda Municipal, Motoristas - categorias "C" e "D", Vigia, Agente Administrativo, Digitador, Orientador Social, Recepcionista, Técnico em Enfermagem, Assistente Social, Enfermeiro, Farmacêutico-Bioquímico, Médico, Nutricionista e Psicólogo.
As inscrições foram prorrogadas até o dia 10 de julho de 2014 e serão feitas pela internet, no site do Instituto Graça Aranha, organizador do certame: www.igracaaranha.com.br. As taxas variam de R$ 32,00 a R$ 52,00, de acordo com a função escolhida.
Veja Edital Clique Aqui e aqui

Conselho da Comunidade no Fórum de Tutóia se reúne : Saiba quais são suas finalidades.

Conselho da comunidade se reúne e presidente Elivaldo Ramos diz que a prioridade é ajudar apenados e projetos sociais.


Aconteceu na última sexta-feira (20) deste mês  a primeira reunião do Conselho da Comunidade no Fórum de Tutóia. A reunião foi presidida por Elivaldo Ramos que foi eleito presidente da entidade com mandato de três anos.
Na reunião se discutiu sobre a atuação do Conselho que deverá de priorizar o acompanhamento da situação de presos e seus familiares e a ajuda financeira de projetos sociais de instituições públicas e privadas com recursos de penas do judiciário de Tutóia.

O presidente disse que “há aproximadamente um montante de 70 mil reais nas contas da justiça que devem ser aplicados em ações sociais desde que sejam encaminhados projetos sociais de qualquer instituição que desenvolva trabalhos que não tenham fins lucrativos e que atenda a população carente.

 Os projetos serão analisados pelo juiz Rodrigo Terças e pelo Conselho da Comunidade e uma vez aprovados será disponibilizado um recurso que pode chegar a até 10 mil reais. Outra finalidade do Conselho é ajudar apenados (presos na Delegacia de Tutóia e Paulino Neves) e seus familiares no que couber” afirmou Elivaldo Ramos.

Veja o que consta de um trecho do Estatuto:

O Conselho tem abrangência nos municípios de Tutóia e Paulino Neves. E em breve irá lançar Edital para inscrição das associações e ou entidades que desejem receber ajuda financeira do Conselho para apoiar seus projetos.
 Veja a composição do conselho:

Elivaldo Ramos Lima – Presidente

Padre Francisco Claudio Mendes da Costa – Vice Presidente
Jordanea Maria Vieira de Sousa – Secretária

Rejane Oliveira da Silva – Tesoureira

Advogado Adelino Fernandes – Conselho Fiscal

Milson Brandão de Medeiros Filho - Conselho Fiscal

Vicente de Paulo - Conselho Fiscal









sexta-feira, 27 de junho de 2014

É HOJE NA AABB DE TUTÓIA!!! DJ EMERSON COM CHARLES DO ARROCHA E FORRÓ DE PRIMEIRA!!!

É HOJE!! A PARTIR DAS 22 HORAS!!! 

   

Líderes nas pesquisas, Flávio Dino e Roberto Rocha confirmam candidatura neste domingo

   Dino e Rocha

Com 58,2% das intenções de voto para o Governo do Estado, Flávio Dino prepara a convenção que homologará sua candidatura pelo PCdoB. No mesmo evento, o pré-candidato a senador Roberto Rocha (PSB) entrará na disputa pela vaga no Congresso nacional. Rocha tem 35,8% das intenções de voto segundo a pesquisa DataM divulgada pelo jornal Atos e Fatos na última quarta.

Com liderança folgada nas pesquisas, os oposicionistas Flávio Dino e Roberto Rocha abrem o calendário eleitoral com uma grande convenção no próximo dia 29, domingo. O evento acontece no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santanna – no Multicenter Sebrae, a partir das 8h da manhã.

O evento, segundo assessores, será de forte mobilização política e social. Junto com PCdoB e PSB, farão convenção o PDT e PPS, que devem apresentar suas candidaturas a deputados federais e estaduais que comporão a chapa em apoio a Flávio Dino e Roberto Rocha. O candidato a vice-governador indicado pelo PSDB é o deputado federal Carlos Brandão.

Nesta semana, o jornal Atos e Fatos publicou pesquisa realizada pelo instituto DataM revelou o cenário em que começam as eleições de 2014. Se as eleições fossem hoje, o pré-candidato da oposição teria 58,2% dos votos maranhenses, contra 20,7% de Edinho Lobão Filho (PMDB) apoiada pelo grupo Sarney.

Às vésperas das convenções que confirmarão as candidaturas partidárias, a pesquisa DataM/Atos e Fatos avaliou o desempenho de todos os pré-candidatos com candidaturas colocadas até o momento. Em terceiro lugar estaria José Luís Lago (PPL) com 1,5%, seguido de Saulo Arcângeli (PSTU) com 0,9% e Antonio Pedrosa (PSOL) com 0,3%. Brancos e nulos somam 5% e não responderam resultam 13,5% dos entrevistados.

A pesquisa também avaliou o desempenho dos candidatos ao Senado que concorrerão à vaga no Congresso Nacional. Roberto Rocha (PSB), candidato com apoio da oposição, também venceria com 35,8% dos votos. Em segundo lugar com 19,2% dos votos estaria Gastão Vieira (PMDB), que tem o apoio do grupo Sarney. Haroldo Saboia (PSOL) chega a 10% nas intenções de voto dos maranhenses e é seguido por Claudicea Durans (PSTU), com 1,9%. Branco e nulo somam 6,5% e não sabem ou não responderam equivalem a 26,6% do eleitorado.

A pesquisa foi realizada em 50 municípios e ouviu 1499 eleitores de todas as regiões do estado entre os dias 18 e 23 de junho. Seu registro está na Justiça Eleitoral com protocolo MA-0015/2014 e BR-00183/2014.

Via blog do John Cutrim 

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Nessa Sexta (27) Boizinho Precioso no Arraial de Tutóia!!! Ele não volta, Continua...



É nessa sexta (27) que a atração mais esperada do ano, se apresentará no arraial de Tutóia, Boizinho Precioso, com intuito único de contribuir positivamente com a cultura de Tutóia. Atendendo pedidos de centenas de pessoas que pediam sua continuidade, e dessa vez, vinculado ao colégio Casimiro de Abreu, o grupo do Boizinho Precioso, pretende agraciar todo o público com uma apresentação recheada de encanto, poesia e paixão. 

Esse ano o tema trabalhado é o seguinte "Nós vem de areia branca", fazendo alusão a Rainha Elza do Caroço, maior ícone da cultura da cidade, segundo o amo Branco Bond, a homenagem é o mínimo a ser feito, em respeito a pessoa que mais propagou a cultura de Tutóia pelo Brasil através de seu Caroço. 



O grupo Precioso convida todos os amantes da cultura, para comparecerem nessa sexta (27) na avenida Paulino Neves para prestigiarem a sua continuidade. Na programação, a apresentação do Boizinho Precioso está marcada para ser a 3ª. 

PRECIOSO NÃO VOLTA. CONTINUA...   

Abaixo um trecho da abertura do Boizinho Precioso em homenagem a eterna Rainha Elza do caroço. 
Nós vem de areia branca Minha canoa é o mar Lá vem meu precioso Nossa historia vai continuar.. Nós mora lá na Tutoia Cidade de beira-mar Maçarico da lagoa... Voa,voa sem parar Olha o marimbondo seu moço Olha o marimbondo sinhá.

Maranhão lidera lista de ‘Fichas-Sujas’ do TCU

                6480010759bff4900a37293f558453d0_M

O presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Augusto Nardes, entregou, ontem, a lista de responsáveis com contas julgadas irregulares ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro José Antônio Dias Toffoli. Na lista, em que consta o total de 6.500 responsáveis, o Maranhão apresenta 513 gestores públicos com contas irregulares e 1.108 ocorrências – cada gestor pode responder a mais de um processo, por isso a ocorrência é maior. Em número de ocorrências, o estado lidera o ranking, seguido do Distrito Federal e São Paulo, com 992 e 737 ocorrências, respectivamente. No número de responsáveis, o Maranhão só fica atrás do Distrito Federal, que teve 729 gestores com contas desaprovadas.

Você pode ter acesso à lista completa, separada por Estado, clicando aqui.
O TCU tem a responsabilidade de analisar e julgar contas de administradores públicos nos últimos oito anos que antecedem cada eleição, sob os aspetos de legalidade, legitimidade e economicidade. A lista é encaminhada à Justiça Eleitoral em anos de eleição até o dia 5 de julho. Ela contém a relação das pessoas físicas, não falecidas, que tiveram contas julgadas irregulares nos oito anos imediatamente anteriores à realização de cada eleição, caso a decisão que julgou as contas não tenha tido a eficácia prejudicada pela interposição de recurso.

Exauridas as possibilidades de interposição de recurso, o TCU envia à Justiça Eleitoral essa relação de pessoas físicas, não falecidas, que tiveram contas julgadas irregulares nos últimos oito anos. À Justiça Eleitoral cabe definir – ou não – a inelegibilidade do gestor. Por isso, a lista de responsáveis com contas julgadas irregulares, não se confunde com a declaração de inelegibilidade.

Em 2014, o prazo final para que os Tribunais enviem lista para Justiça Eleitoral é o dia 05 de julho. O Tribunal de Conta do Maranhão (TCE-MA) tem até essa data para enviar a relação ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA), que poderá analisar quais políticos maranhenses se enquadrarão na Lei da Ficha Limpa, barrando a candidatura de gestores que cometeram irregularidades no exercício da administração pública, condenados em segunda instância. E, segundo dados do TSE, o julgamento das contas como irregulares pelos órgãos competentes é o dispositivo da Lei da Ficha Limpa que ocasiona o maior número de registros de candidatura negados.

O presidente do TCE, o conselheiro Edmar Cutrim informa que os gestores de todo e estado prestam contas de suas administrações, e quando detectadas irregularidade ou quando o gestor deixa de prestar conta, é definida improbidade administrativa. A lista, ainda não concluída, já reúne inúmeros nomes, que será encaminhada, além do TRE, ao Ministério Público Estadual (MPE), Câmaras Municipais, Tribunal de Contas da União (TCU), Secreta rias de Governo e Controladoria Geral da União (CGU).

Na relação não constam os nomes dos responsáveis cujas contas julgadas irregulares dependam de recurso com efeito suspensivo ainda não apreciado pelo tribunal, bem como aqueles para os quais os acórdãos que julgaram as contas irregulares foram tornados insubsistentes por decisão do próprio TCU ou pelo Poder Judiciário.

Um nome pode ser excluído da lista, caso o responsável deixe de se enquadrar nos critérios legais como, por exemplo, a incidência de medida liminar judicial ou o transcurso de mais de oito anos anteriores à eleição.

O pagamento do débito ou da multa decorrente da condenação do TCU não exclui o responsável da lista. Como o gestor está na lista porque teve suas contas julgadas irregulares pelo TCU nos últimos oito anos, isso não se desfaz com o ressarcimento de dano ou o pagamento de multa.

Via blog do John Cutrim 

quarta-feira, 25 de junho de 2014

Professor brasileiro é um dos que mais trabalha, afirma relatório da OCDE

No Brasil, docente gasta 25 horas por semana só dando aulas, um porcentual 24% maior do que outros 30 países analisados

José Luis da Conceição/Divulgação SEE
Pesquisa foi feita com mais de 14 mil professores brasileiros; docentes usam apenas 67% do tempo da aula; o resto é "desperdiçado" com atividades administrativas e no controle da "bagunça"

Os professores brasileiros de escolas de ensino fundamental, gastam, em média, 25 horas por semana só com as aulas. O número é superior à média de aproximadamente 30 países, como a Finlândia, Coreia, Estados Unidos, México e Cingapura. Lá, os professores gastam, em média, 19 horas por semana ensinando em sala de aula, ou seja, um porcentual 24% menor. O posição brasileira é inferior apenas à do Chile, onde os professores gastam quase 27 horas em aulas.
O docente brasileiro, contudo, usa até 22% mais de tempo que a média dos demais países em outras atividades da profissão, como correção de "tarefas de casa", aconselhamento e orientação de alunos. Todos os dados são da mais recente Pesquisa Internacional sobre Ensino e Aprendizagem (Talis) divulgada nesta quarta-feira (25) na França.
Junto com o Brasil, não foram apenas países ricos e integrantes da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) - coordenadora da pesquisa - que participaram do estudo. Outras nações emergentes e também países menos desenvolvidos fizeram parte da pesquisa. Polônia, Bulgária, Croácia, Malásia e Romênia fazem parte do conjunto de nações integrantes da edição 2013 da Talis.
Os dados foram obtidos junto a mais de 14 mil professores brasileiros e cerca de 1 mil diretores de 1070 escolas públicas e privadas de todos os estados do País. Os docentes e dirigentes responderam aos questionários da pesquisa, de forma sigilosa, entre os meses de setembro a novembro de 2012. Cada questionário tinha cerca de 40 perguntas.
Em âmbito nacional, o estudo foi coordenado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), vinculado ao Ministério da Educação (MEC). Em 2007, o Brasil também participou da primeira rodada da pesquisa, a Talis 2008, que foi publicada no ano seguinte.
Objetivo
A pesquisa tem como principal objetivo analisar as condições de trabalho que as escolas oferecem para os professores e o ambiente de aprendizagem nas salas de aula.
De acordo com o Inep, "a comparação e análise de dados internacionais permite que os países participantes identifiquem desafios e aprendam a partir de políticas públicas adotadas fora de suas fronteiras".
Diferente do Programa Internacional de Avaliação de Alunos (PISA), que prioriza a avaliação dos alunos, do seu contexto e da escola, no Talis, o foco está mais centrado nos docentes. "O programa Talis é um programa de pesquisas que visa preencher lacunas de informação importantes para a comparação internacional dos sistemas de ensino", afirma estudo da Universidade Federal do Paraná liderado pela pesquisadora Rose Meri Trojan.
"Desperdício"
A pesquisa também quis saber do professor quanto tempo de aula é voltado, efetivamente, para a aprendizagem. E o número é pouco animador para o Brasil. Mesmo com uma carga de 25 horas de aulas por semana, mais de 30% do tempo desses encontros regulares é "desperdiçado" em tarefas de manutenção da ordem dentro da sala e em questões burocráticas, como o preenchimento de chamadas e outras atividades administrativas.
Só o tempo gasto para por "ordem na bagunça" dos estudantes representa 20% do tempo total da aula. Com serviços administrativos, são gastos 12%. De aula mesmo, ou seja, atividades de aprendizagem, o professor dispõe apenas de 67% do tempo. É a pior situação entre todos os países avaliados. Na média dos países pesquisados, quase 80% do tempo é voltado, exclusivamente, para a aprendizagem.
Reprodução/TV Univesp
Ocimar Alavarse, da USP, diz que é preciso mudar o foco 
do ensino para a aprendizagem


"Precisamos otimizar mais o tempo em sala de aula. O Brasil ainda tem como foco o ensino, mas é preciso se voltar para a aprendizagem. Não podemos desperdiçar tanto tempo com outras questões", afirma Ocimar Alavarse, professor da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (USP).
Segundo ele, um dos principais fatores de dispersão do aluno é a própria defasagem que ele tem em termos de conhecimento por uma série de fatores, inclusive os socioeconômicos. "Os alunos que chegam no fundamental veem com baixa proficiência ou possuem uma diferença muito grande em relação aos demais estudantes. Isso é um dos fatores que faz com que ele não fique atento às aulas e o professor precise gastar mais tempo organizando a dispersão", fala Alavarse.
Deslocamento
Além de usar mais horas por semana ensinando, parte dos professores brasileiros ainda sofre com o desgaste em descolamentos. Isso porque, muitos deles trabalham em mais de um estabelecimento.
Thinkstock/Getty Images
Dupla jornada em escolas diferentes 
representa mais trabalho e causa estresse no professor
"Ainda temos que enfrentar o desafio da reorganização do corpo de professores nas escolas públicas. O ideal era que ele estivesse vinculado a apenas uma escola. No entanto, é comum docentes, especialmente dos anos finais do ensino fundamental, ensinarem em mais de um estabelecimento, já que certas matérias que eles lecionam têm uma carga horária e número de turmas limitado", afirma Daniel Cara, coordenador geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação.
No Brasil, cerca de 40% dos mais de 2 milhões de professores da educação básica dão aulas em cinco ou mais turmas. E aproximadamente 20% deles ensinam em pelo menos dois estabelecimentos. Já em São Paulo, 26% dos professores dão aulas em duas escolas. Os dados são do Censo Escolar 2013 divulgado no início deste ano pelo MEC.
Perfil
Além dos dados sobre condições de trabalho e ambiente de aprendizagem, a pesquisa da OCDE também traçou o perfil do docente brasileiro.

Fonte: Ig.com

Data M: Flávio Dino tem 38 pontos de vantagem em relação a Edinho

Com vantagem de quase 38 pontos em relação ao segundo colocado, Flávio Dino (PCdoB) seria eleito governador pelo Maranhão – é o que traz a pesquisa do Instituto DataM contratada pelo jornal Atos e Fatos. Se as eleições fossem hoje, o pré-candidato da oposição teria 58,2% dos votos maranhenses, contra 20,7% de Edinho Lobão Filho (PMDB) apoiada pelo grupo Sarney.
Arte: Alexandre Cunha
Às vésperas das convenções que confirmarão as candidaturas partidárias, a pesquisa DataM/Atos e Fatos avaliou o desempenho de todos os pré-candidatos com candidaturas colocadas até o momento. Em terceiro lugar estaria José Luís Lago (PPL) com 1,5%, seguido de Saulo Arcângeli (PSTU) com 0,9% e Antonio Pedrosa (PSOL) com 0,3%. Brancos e nulos somam 5% e não responderam resultam 13,5% dos entrevistados.

Este é o cenário que dá início às eleições de 2014 no Maranhão, que promete ser polarizada entre Flávio Dino e Edinho Lobão Filho. O primeiro representando o grupo de oposição e o segundo com apoio do grupo Sarney, que hoje ocupa o Palácio dos Leões.

Num eventual segundo turno, em que haveria disputa direta entre os dois, Flávio Dino venceria com 62,9% dos votos contra 21,8% de Edinho Lobão Filho. 10,6% não souberam responder e 4,6% disseram que votariam em branco ou nulo. No cenário vizinho ao início da disputa eleitoral, Flávio Dino mantém a vantagem nas pesquisas que tem sido divulgadas desde 2013.

A pesquisa foi realizada em 50 municípios e ouviu 1499 eleitores de todas as regiões do estado entre os dias 18 e 23 de junho. Seu registro está na Justiça Eleitoral com protocolo MA-0015/2014 e BR-00183/2014.


Fonte: JP

Teste da linguinha será obrigatório para recém-nascidos

                           
BRASÍLIA - Hospitais e maternidades serão obrigados a fazer o teste da linguinha em recém-nascidos. O procedimento serve para detectar se a criança tem o problema comumente chamado de língua presa. Segundo a presidenta da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, Irena Marchesan, é uma conduta simples que pode fazer a diferença na vida da criança.

O frênulo da língua é uma membrana que liga a língua à parte inferior da boca. Todos têm a membrana, mas em alguns casos é maior do que o normal, o que popularmente é conhecido como língua presa.

De acordo com Irene Marchesan, a avaliação é muito importante porque pode detectar se existe algo fora do normal, o que possibilita fazer o procedimento para cortar a membrana antes que ela dificulte a vida da criança.

“O primeiro problema de ter o frênulo preso é que a criança vai ter dificuldade ao mamar, podendo deixar o peito precocemente. Um segundo problema é no desenvolvimento da criança, que pode ficar com a fala alterada e com dificuldades para mastigar”, explicou Irene.

A fonoaudióloga diz que os efeitos do procedimento para acabar com a língua presa não são os mesmos quando a criança é maiorzinha, por isso a importância de fazer no recém-nascido. Segundo Irene, o procedimento é muito simples, e alguns pediatras fazem na hora que a criança nasce, antes de entregá-la à mãe.

Segundo a assessoria do Ministério da Saúde, na rede pública geralmente são os pediatras que fazem os testes obrigatórios logo após o nascimento das crianças, e serão eles os responsáveis pelo teste da linguinha. O Sistema Único de Saúde paga o procedimento para corrigir o problema para pessoas de todas as idades.
A Lei 13.002, que torna obrigatório o teste da linguinha, foi publicada ontem (23) e entra em vigor 180 dias após a publicação.


Fonte: Imirante.com

Marco Civil da Internet entra em vigor regulamentando a rede

Jornal O ESTADO 

 


                      


Brasília - O Marco Civil da Internet, lei que funciona como uma Constituição para o uso da rede no Brasil, entrou em vigor ontem. O projeto foi sancionado pela presidente Dilma Rousseff em 23 de abril após tramitar por dois anos na Câmara dos Deputados e estabelece princípios, garantias, direitos e deveres para internautas e empresas.

A chamada neutralidade de rede é um dos principais pilares do Marco Civil. Com ela, os provedores de internet ficam proibidos de ofertar conexões diferenciadas a partir do conteúdo que o usuário for acessar, como e-mails, vídeos ou redes sociais. A venda de velocidades diferentes de acesso continua valendo.
Críticos da neutralidade dizem que o princípio restringe a liberdade dos provedores para oferecer conexões diferenciadas conforme a demanda dos clientes e que sua aplicação obrigatória pode encarecer o serviço a todos.

Privacidade - Outra regulamentação do Marco Civil diz respeito à retirada de conteúdo da internet. Provedores de conexão e aplicações na internet não serão responsabilizados pelo uso que os internautas fizerem da rede e por publicações feitas por terceiros.
Até então não havia regras específicas sobre o caso e as decisões judiciais variavam - alguns juízes punem sites como Facebook e Google por páginas ofensivas criadas por usuários, enquanto outros magistrados optam por penalizar apenas o responsável pelo conteúdo.
De acordo com a nova legislação, as entidades que oferecem conteúdo e aplicações só serão responsabilizadas por danos gerados por terceiros se não acatarem ordem judicial exigindo a retirada dessas publicações. O objetivo da norma, segundo o deputado Alessandro Molon, relator do projeto, é fortalecer a liberdade de expressão na web e acabar com o que chama de "censura privada".
O sigilo das comunicações dos usuários da internet não pode ser violado. Provedores de acesso à internet serão obrigados a guardar os registros das horas de acesso e do fim da conexão dos usuários pelo prazo de seis meses, mas isso deve ser feito em ambiente controlado.
A responsabilidade por esse controle não deverá ser delegada a outras empresas. Não fica autorizado o registro das páginas e do conteúdo acessado pelo internauta. A coleta, o uso e o armazenamento de dados pessoais pelas empresas só poderão ocorrer desde que especificados nos contratos e caso não sejam vedados pela legislação.

Marketing dirigido - Com o Marco Civil, as empresas de acesso não poderão "espiar" o conteúdo das informações trocadas pelos usuários na rede. Há interesse em fazer isso com fins comerciais e publicitários, nos moldes do que Facebook e Google fazem para enviar anúncios aos seus usuários de acordo com as mensagens que trocam.
Essas normas não permitirão, por exemplo, a formação de bases de clientes para marketing dirigido, segundo Molon. Será proibido monitorar, filtrar, analisar ou fiscalizar o conteúdo dos pacotes, salvo em hipóteses previstas por lei.

Propaganda Política por Carlos Lula

                             Lula

Atualmente, pode-se dizer que a propaganda é um esforço de comunicação no sentido de divulgar as características de determinado bem ou serviço, na tentativa de se criar um vínculo entre o emissor e o receptor. São técnicas comunicacionais utilizadas para influenciar o receptor, uma tentativa de obter sua adesão à mensagem propalada.

A propaganda, portanto, tem como objetivo final permitir que o produto obtenha adesão do mercado, influenciando os possíveis consumidores, de sorte que não apresenta, por assim dizer, um compromisso com a “verdade”, ainda mais quando falamos de propaganda político-eleitoral, que atualmente se vale de artifícios da publicidade e do marketing para alavancar candidaturas.

O debate da esfera pública perde nos dias atuais seu caráter dito ideológico, com todos os participantes do processo eleitoral, ainda que suas agremiações partidárias possuam visões de mundo completamente distintas, realizando propagandas muito semelhantes. O homem público é sempre tido como honesto, competente, trabalhador e com soluções prontas para todos os problemas sociais. Infelizmente, a realidade tem nos revelado quadro um pouco diferente do narrado nas peças publicitárias.

De qualquer sorte, mesmo com todas essas distorções, a propaganda político-eleitoral ainda é fundamental para a orientação da escolha dos candidatos pela população. Para o direito eleitoral, quando a propaganda é utilizada com fins políticos, ela é chamada de ‘propaganda política’, gênero do qual a propaganda eleitoral, a partidária e a intrapartidária são espécies. Tal distinção é relevante.

A propaganda partidária consiste na divulgação dos planos e programas dos partidos políticos, visando angariar adeptos à sigla, e não votos a um ou outro candidato, de modo que não ocorre no segundo semestre de ano eleitoral. Ou seja, é aquela propaganda realizada pelo próprio partido para difundir seu programa e sua visão de mundo acerca de temas que afetem a sociedade.

Já a propaganda intrapartidária busca angariar a simpatia dos correligionários em prol dos “candidatos a candidatos” a cargo eletivo. É realizada por filiado de partido político que aspira ser candidato em pleito eletivo, destinando aos demais filiados. Esse tipo de propaganda é permitido na quinzena anterior à convenção de escolha dos candidatos que irão disputar as eleições e se dá no interior do partido.

Já a espécie do gênero propaganda política que mais traz debates nas Cortes Eleitorais é a propaganda eleitoral, que deve ser encarada enquanto aquela elaborada por partidos e candidatos com o fim de captar votos do eleitorado, almejando a conquista de cargos público-eletivos.

Essa é a sua principal distinção da propaganda partidária, uma vez que busca o convencimento dos eleitores e a obtenção de vitória na disputa das urnas, no lugar da divulgação do ideário político-partidário.

Nos dias atuais, contudo, a propaganda eleitoral não mais se basta na impressão de alguns panfletos ou na inscrição de mensagens em muros. De intuitivas, as campanhas eleitorais tornaram-se racionais, de amadoras, tornaram-se profissionais. No lugar de palavras de ordem, slogans; no lugar de palpites, pesquisas e dados. Há uma estrutura fortíssima de marketing atuando no cotidiano dos candidatos.

Assim, tornou-se ainda mais problemática para a Justiça a caracterização dos atos de propaganda eleitoral. Desta ordem, é irrelevante o fato de não haver candidatos indicados, oficialmente escolhidos em convenção, para que se configure a propaganda eleitoral. Ela não mais deve ser entendida como só aquela que contém o pedido de voto direto, mas compreendida em outras formas que, mesmo sem contê-lo, fazem alusão ao pleito e a características do futuro candidato, que o distinguem em relação aos demais.

Nos termos da jurisprudência do TSE, a propaganda eleitoral é entendida como aquela que leva ao conhecimento geral, ainda que de forma dissimulada, a candidatura, mesmo que apenas postulada, a ação política que se pretende desenvolver ou razões que induzam a concluir que o beneficiário é o mais apto ao exercício de função pública. Apenas o caso concreto, portanto, dirá se o ato pode ou não ser considerado como propaganda eleitoral.

Carlos Eduardo Lula é Consultor Geral Legislativo da Assembleia do Maranhão, Advogado, Presidente da Comissão de Direito Eleitoral da OAB/MA e Professor Universitário. e-mail:carloslula@carloslula.com.br

terça-feira, 24 de junho de 2014

Ex-prefeita de Araioses Luciana Trinta será candidata a deputada Federal!!!

Ex-prefeita de Araioses Luciana Trinta com o Professor Pedro Diniz de Brejo-MA 

A ex-prefeita de Araioses Luciana Trinta, será candidata a deputada Federal na coligação de Flávio Dino (PC do B), ontem (23) a mesma esteve em Tutóia em conversa com algumas lideranças em busca de apoio a sua candidatura.

O titular deste blog conversou com a pré-candidata, que disse que sua candidatura é em prol de representar o Baixo-Parnaíba na Câmara Federal, região segundo ela, muito esquecida e dependente do Piaui.

Titular do blog (Neto Pimentel) Luciane Trinta e Professor Pedro Diniz (Assessor de Luciana) 


A comunidade São Paulo Apóstolo de Paxicá convida todos para celebrarem nos dias 27, 28 e 29/06 o tríduo de São Pedro e São Paulo. PARTICIPEM!!!

                                              

A COMUNIDADE SÃO PAULO APÓSTOLO -PAXICÁ
ESTARÁ CELEBRANDO NOS DIAS 27,28 E 29 DE JUNHO, O TRÍDUO NOVENÁRIO DE SÃO PEDRO E SÃO PAULO. TRÊS DIAS DE NOVENAS, CELEBRAÇÃO, MISSA COM MUITA UNÇÃO, ALEGRIA LOUVOR A DEUS E AÇÃO DE GRAÇAS!

TEMA: " IDE E ANUNCIAI O EVANGELHO"

VENHA E CELEBRE CONOSCO!!

AUTO CENTER WM BOSCH CAR SERVICE apoia a cultura tutoiense!!!

Auto center WM Bosch Car Service é um dos patrocinadores do boi Mucunã, mostrando seu incentivo a cultura tutoiense! 

   

Gravação de DVD das apresentações (Bumba-boi, quadrilha, danças, carimbó, caroço) no arraial de Tutóia é com JAR PRODUÇÕES!!!



A JAR PRODUÇÕES está com uma promoção especial para os grupos folclóricos de Tutóia que se apresentarão durante as noites do arraial da cidade na avenida Paulino Neves. A JAR PRODUÇÕES tem experiência no ramo, com gravações apresentadas na Rede Globo, gravação de DVD da dança Pajé, do arraial de Magalhães de Almeida e diversas gravações de comercias para lojas e empresas da cidade e região. 

Se queres deixar marcado a apresentação do seu grupo folclórico no arraial de Tutóia, entre em contato com JAR PRODUÇÕES, para registrar em DVD cada momento com qualidade garantida. 

Contato: Roberto Jar (98)  3479-0015