Pesquisar

Carregando...

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Auto Center WM Bosch Car Service apoia o Rally Night 2014 que mais uma vez foi sucesso de público e emoção!!!

No último sábado (26) foi realizado a 7ª edição do Rally Night, que já virou evento tradicional na cidade de Tutóia, reunindo centenas de motoqueiros e simpatizantes que acompanham em carros particulares e Toyotas, fazendo do Rally Night em 2014 mais um sucesso de público e emoção.

A Auto Center WM Bosch Car Service é uma das empresas parceiras do evento, que tem como organizador Tony e  Wiltemberg.

Vejam as imagens do Rally Night 2014!!!

Saída avenida Paulino Neves 

                                  

                                  

                                  

                                 

                                  

                                  

                                 

                                  

Letícia Gerente da Auto Center WM Bosch Car Service e Roberto Jar Gerente de Marketing 

imagens de Horácio Soares
                                               
  

Candidatos e partidos começam a prestar contas de campanha nesta segunda (28)

                                    

Os candidatos, partidos políticos e comitês financeiros têm de 28 de julho a 2 de agosto para entregar a primeira parcial da prestação de contas de campanha à Justiça Eleitoral (JE). Já a segunda parcial deverá ser apresentada de 28 de agosto a 2 de setembro. Ambas deverão conter a discriminação dos recursos em dinheiro ou estimáveis em dinheiro para financiamento da campanha eleitoral e dos gastos que realizaram, detalhando doadores e fornecedores.
A divulgação dos dados pela Justiça Eleitoral da primeira parcial será no dia 6 de agosto, e da segunda parcial, no dia 6 de setembro. Nos casos em que os candidatos, partidos políticos e comitês financeiros não encaminharem as prestações de contas parciais, a Justiça Eleitoral divulgará os saldos financeiros, a débito e a crédito, dos extratos bancários enviados pelas instituições financeiras.
As prestações de contas finais de todos os candidatos deverão ser enviadas até 30 dias depois da realização das eleições. A publicidade destas informações se dará à medida que as prestações de contas forem sendo recepcionadas pela Justiça Eleitoral. No caso da não prestação de contas nos prazos fixados, a Justiça Eleitoral notificará os candidatos, partidos políticos e comitês financeiros, no prazo de cinco dias, para prestá-las em até 72 horas, sob pena de tê-las julgadas como não prestadas. Situações de ausência de movimentação de recursos de campanha, financeiros ou estimáveis em dinheiro não isenta do dever de prestar contas.
A prestação de contas dos diretórios nacionais e estaduais, conjuntamente a dos seus comitês financeiros constituídos, deverá ser encaminhada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e aos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs), respectivamente.
Os vices e os suplentes não prestam contas isolada­mente e suas documentações devem ser entregues aos respectivos titulares. No caso de estes não respeitarem o prazo legal, a informação pode ser prestada separadamente, contada da notificação, no prazo de 72 horas. Caso contrário, os processos podem ser julgados como não prestados e, como consequência, os candidatos eleitos podem não ser diplomados.
Em casos de situação de renúncia, quando o candidato for substituído ou tiver o registro indeferido pela Justiça Eleitoral, a prestação de contas deverá ser correspondente ao período em que participou do processo eleitoral, mesmo que não tenha realizado campanha. Já se o candidato falecer, a obrigação de prestar contas, referente ao período em que realizou campanha, será de seu administrador financeiro ou, na sua ausência, da respectiva direção partidária.
TSE

domingo, 27 de julho de 2014

MA - Órgãos Estaduais Não Funcionarão Nesta Segunda-Feira (28)



A Casa Civil do Governo do Maranhão informa que os órgãos estaduais não funcionarão nesta segunda-feira (28), data alusiva à Adesão do Maranhão à Independência do Brasil.

O feriado foi estabelecido pela Lei Estadual no 2.457, de 2 de outubro de 1964.

Na data, funcionarão apenas os órgãos que prestam serviços essenciais à população, como hospitais e delegacias de polícia.


Secom

sábado, 26 de julho de 2014

Flávio Dino faz carreata na centenária cidade de Brejo

                              Carreata com Flávio Dino ultrapassa as expectativas.

Cidade de Brejo participa em peso da grande carreata em apoio ao candidato ao governo Flávio Dino.

                                                                
                                                                                  
                                                                

Tivemos também a presença do candidato a deputado Federal Domingos Dutra e ao senado Roberto Rocha.

                                                                


Em especial senhora Luciana 30 ex-prefeita de Araioses e seu assessor Pedro Diniz.

Em primeira mão tivemos a noticia que devido motivos pessoal senhora Luciana 30 não vai, mas participar da campanha para Deputada Federal.                                                                                                            
  
O grande momento foi quando Flávio Dino começa a fala sobre suas propostas.

Segundo Egnaldo Andrade blogueiro de Brejo, a carreata mostra que temos que tomar a frente e fazer a mudança é colocar uma pessoa como Flávio Dino para fazer a mudança que tanto o povo sofrido do maranhão precisa, vamos à luta com muita determinação e força de vontade.

Flávio em uma reunião particular com algumas lideranças da cidade na residencia do senhor Pedro Diniz pediu apoia a todo e também que lutem com muita honra e dignidade e não deixar abala com o jeito de fazer política do grupo adversário que nem sempre e tão digna como se espera.



sexta-feira, 25 de julho de 2014

'Envolve muita dor', diz mãe de menina com doença rara no RS

Raissa Victória tem 4 anos e sofre de epidermólise bolhosa (Foto: Arquivo pessoal)
A menina Raissa Victória tem quatro anos e sofre de epidermólise bolhosa (Foto: Arquivo Pessoal)

Aos quatro anos de idade, a pequena Raissa Victória luta contra uma doença rara com a força de vontade de quem quer viver muito e bem. A menina mora em São Luiz Gonzaga, na Região Noroeste do Rio Grande do Sul, com os pais. É alegre e sorridente, mas convive diariamente com a dor. Desde que nasceu, a menina sofre de epidermólise bolhosa, uma doença rara que causa lesões pelo corpo e a proíbe de gestos simples, como receber um abraço dos pais.
“É preciso 24 horas de cuidado. Não pode infeccionar [as feridas], porque pode agravar ainda mais uma situação que já é grave. Têm dias melhores, outros nem tanto assim. No geral, é um processo que envolve muita dor”, afirma ao G1 a mãe de Raissa, Silcéia Santos de Oliveira, 34 anos.
A enfermidade é caracterizada por grande sensibilidade da pele. Devido à falta de adesão entre as células da epiderme, qualquer toque ou traumatismo – ainda que leve – pode levar à formação de bolhas e ao descolamento da pele. As feridas causam dor e sofrimento. A doença ainda não tem cura, mas existe a possibilidade de tratamento. Para isso, a família iniciou uma campanha para tentar arrecadar R$ 3,5 milhões.  
No ano passado, a doença tornou-se nacionalmente conhecida após um episódio polêmico envolvendo a família da coreógrafa Deborah Colker. Ela enfrentou transtornos e constrangimento para embarcar em um voo porque o neto, de três anos, tem a doença. A aeronave só decolou depois que um médico da Infraero atestou que epidermólise bolhosa não é contagiosa.
O pai de Raíssa, Jonas Siqueira da Silva, também de 34 anos, trabalha com vendas de produtos, como cosméticos. Ele dedica-se integralmente ao cotidiano da filha, que exige atenção e cuidados permanentes.
Doença causa bolhas e lesões a partir de um simples toque na pele (Foto: Arquivo pessoal)
Doença causa bolhas e lesões a partir de um
simples toque na pele (Foto: Arquivo Pessoal)
A menina ainda usa fraldas, porque ir ao banheiro é uma experiência dolorosa. Eventualmente sente desconforto para comer, já que a doença afeta também o esôfago, o que faz com que a paciente tenha dificuldade para engolir os alimentos. Além disso, a gaze comum não pode ser usada como curativo nas feridas, porque, ao ser removida, pode grudar e machucar ainda mais a pele. 
“Há pouco tempo ela caiu um tombo no chão, em uma brincadeira de criança. Não foi grave, mas ela ficou lesionada, ficou em carne viva, saiu toda a pele. É muito raro ela se bater em algo, por exemplo, e não se machucar”, descreve a mãe. Os ferimentos costumam aparecer no pescoço, pernas, braços, barriga e costas da menina.
Sem remédio para a doença, o importante é prevenir traumas. Mensalmente, a mãe leva a filha para consultas em Porto Alegre, a cerca de 500 quilômetros de casa. Com frequência, visita pediatras e um gastroenterologista. Há cerca de três meses, iniciou um tratamento psicológico. “Vou com ela a psicóloga uma vez por semana. Nem sempre dá para levá-la. Às vezes ela está ruinzinha, sem vontade. Mas tem sido bom”, conta a mãe.
Uma esperança é um tratamento experimental realizado pela Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos. O procedimento estimula por meio de células-tronco a produção de colágeno, deficiente nos pacientes com a doença. No entanto, para viabilizar o tratamento, a família precisa reunir U$$ 1,5 milhão, valor que em moeda brasileira chega a cerca de R$ 3,5 milhões.
Raissa veste a camiseta da campanha 'Para Poder Abraçar' (Foto: Arquivo pessoal)
Raissa veste a camiseta da campanha 'Para Poder
Abraçar' (Foto: Arquivo Pessoal)
Apesar do alto custo, os pais têm muita esperança. Com apoio de amigos, decidiram criar uma campanha, com o foco na internet e nas redes sociais, nomeada de “Para Poder Abraçar”. Um vídeo produzido pelo grupo que auxilia o casal chegou a 43 mil visualizações no Youtube. A página no Facebook já ganhou mais de 36 mil curtidas.
No site (clique aqui), há informações de como ajudar a menina com doações ou com a compra de produtos. Camisetas e livros podem ser adquiridos por valores que variam entre R$ 25 e R$ 35. Os recursos serão revertidos para custear o tratamento médico da menina. “A gente ainda não tem metade do dinheiro. Estamos beirando os R$ 700 mil. A campanha deu uma parada por causa da Copa, mas agora estamos retomando. Seguimos com o mesmo objetivo e temos esperança”, revela a mulher.
Em breve, quando completar cinco anos, a menina deve começar a frequentar a escola. O objetivo dos pais é realizar a matrícula em um colégio particular de São Luiza Gonzaga. “Estou tentando uma bolsa de estudos. Provavelmente, será meio período. Ela é uma criança muito sociável e quer muito estudar”, diz a mãe.
Fonte: G1
   

Ministério da Saúde destina mais de R$ 2, 5 milhões para três municípios maranhenses, entre eles Paulino Neves!

                                   

O Ministério da Saúde destinou R$ 27,6 milhões para custeio das ações da área de Média e Alta Complexidade (MAC) de 53 cidades de 17 estados. O objetivo do reforço orçamentário é ampliar o atendimento prestado à população na rede pública e conveniada ao Sistema Único de Saúde (SUS). Os valores destinado pelo MS constam na Portaria Nº 1.508, de 18 de julho de 2014.
No Maranhão, três municípios tiveram recursos liberados para investimento na melhoria do atendimento da saúde, totalizando um repasse de mais de R$ 2.5 milhões. Caxias teve destinação de mais de R$ 1.2 milhões para cinco unidades. O município de Miranda do Norte teve mais de R$ 1.3 milhões e para o município de Paulino Neves, o Ministério da Saúde destinou R$ 90 mil.
Em Caxias, receberão recursos, as seguintes unidades de saúde: Policlínica PAM (R$ 300 mil), Maternidade Carmosina Coutinho (R$ 2.993 mil), Centro Especializado em Assistência Materno Infantil – CEAMI (R$ 400 mil), Hospital Geral de Caxias (R$ 200 mil) e Samu (R$ 300 mil).
Para Miranda do Norte, a Portaria do Ministério da Saúde, autoriza dois repasses para o Hospital Municipal Pedro Vera Cruz Bezerra no valor de R$ 803 mil e R$ 501.450 mil.
Já em Paulino Neves, o Centro de Saúde Santa Terezinha teve autorização de repasse de R$ 90 mil.
Ações
As ações do bloco de financiamento MAC incluem o pagamento de procedimentos como quimioterapia, financiamento de hospitais de pequeno porte, centros de especialidades odontológicas, laboratórios de prótese dentária, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) e habilitação de leitos.
via O Imparcial

Lobão Filho candidato do grupo Sarney visitou Tutóia nesta quinta (24)

     

Sem tanta empolgação foi o resumo da vinda do candidato do grupo Sarney a cidade de Tutóia nesta quinta (24). A vinda do candidato de Roseana, foi um tanto quanto desorganizada, pois a população só ficou sabendo através dos blogs na noite de quarta, e de um carro de som que saiu pelas ruas horas antes do inicio da carreata. 

A carreata saiu da barragem e percorreu algumas ruas da cidade, mas sem a presença maciça da população, dos que dizem apoiar Lobão Filho, apenas o prefeito de Tutóia, Raimundo Baquil (Diringa), e o ex-prefeito Egidio Junior compareceram, os demais eram aliados do prefeito e seus correligionários.

Na hora do discurso do candidato, pouquíssimas pessoas estavam presente na praça para ouvi-lo, sendo que o mesmo discursou menos de 1 minuto e o seu candidato ao senado Gastão Vieira em torno de 2 minutos. Em seguida Lobão Filho e Gastão Vieira seguiram para a cidade de Araioses, aonde ainda tinham agenda para cumprir. 

Vejam algumas fotos repassadas pelo blog do Elivaldo Ramos:

Parada pra discurso na Praça Teremembés
Trio com Gastão Vieira, Diringa, Lobão Filho e Egidio Junior (ex-prefeito de Tutóia)
Muitos carros e pouca gente. Momento em que a carreata passou pela Avenida Paulino Neves
Helicóptero pousou na área de alagadice do antigo Aeroporto